Muffin de cenoura

Eu reconheço em mim uma certa tendência a enantiodromia.

E antes que me chamem de maluca, aqui vai um pouco de cultura psicológica 😛

Segundo o Wikipedia:

Enantiodromia (do grego ἐνάντιος, enantios, oposto + δρόμος, dromos, pista de corrida) é um termo criado pelo filósofo Heráclito para o conceito de que uma grande força em uma direção gera uma força no sentido oposto. Foi reformulado pelo psicanalistaCarl Jung para ser aplicado ao inconscientequando em conflito com os desejos da mente consciente. Platão, também defende o mesmo princípio em sua obra Phaedo ao escrever que: “Tudo surge desse modo, opostos criando opostos”.

Ou então, como encontrei aqui: simplesmente “Passar para o outro oposto”.

Por que estou dizendo isso?

Porque eu adoro bolos doces, cheios de coberturas, com recheios ricos e todo tipo de coisas açucaradas. Sério, eu gosto muito disso tudo. Mas eu sei os males todos causados pelo excesso de açúcar, gordura, corantes, conservantes, etc causam. Então não consigo só fazer bolos “doces” e confeitados. No meu delicado equilíbrio culinário, eu preciso ir até o outro oposto e fazer um bolo bem natureba, meio que para compensar o excesso de outro.
Acho que já melhorei bastante, pois contabilizando tudo, consigo fazer muito mais coisas saudáveis do que as açucaradas.

Outro detalhe sobre essa questão dos opostos e do excesso de açúcar, é a formação do paladar do meu filho. É claro que eu não ofereço uma fatia de um bolo todo confeitado para ele. O máximo que faço é dar uns pedacinhos, de massa apenas, quando ele pede. Por isso, pelas minhas convicções, e pela insistência gigantesca do meu esposo na questão do excesso de açúcar, eu venho desenvolvendo uma linha de produtos mais saudáveis e naturais.

Esse muffin de cenoura veio então para acompanhar nosso café durante a semana. Ele é feito com farinha integral, açúcar mascavo e não leva leite ou manteiga. Por isso, eu ofereço um desses para meu filho com tranquilidade, pois sei que ele está comendo uma coisa saudável e gostosa!

E surpreendam-se! Fica incrivelmente úmido, macio, e com gosto de CENOURA!

Nunca vi muita graça nos bolos de cenoura, pois não sentia o gosto de cenoura no bolo. Até experimentei reduzir o açúcar e aumentar a quantidade de cenoura, mas mesmo assim, para mim não tinha gosto de cenoura.
Então quando vi a receita desse muffin, o que chamou a atenção foi a questão da maciez e da umidade. Qual não foi a surpresa ao experimentar que esse era um “bolo” que realmente tem gosto de cenoura!! Ohh, que maravilha!!! Ainda com uns pedacinhos de nozes na massa, ficou incrível!

Image

Muffin com gotas de chocolate meio amargo

Ontem resolvi testar uma receita de muffin com gotas de chocolate.

Pela receita parecia sem graça, mas tenho testado receitas mais “leves”, pois aí posso oferecer ao pequeno, e meu esposo prefere assim também.

Mas quando senti o cheirinho dos muffins saindo do forno, me segurei para não comer um antes do almoço.
Mantive-os no forno (para o chocolate não endurecer) e logo tivemos nossa sobremesa.

OMG!!! Na hora me veio um insight: sou apaixonada por gotas de chocolate! ahahhaha

E então tudo fez sentido. Entendi porque não conseguia parar de comer cookies quando fazia em casa, ainda mais quando acabavam de sair do forno. Tudo por causa das gotas de chocolate derretendo…

Como não posso oferecer a todos, fiquem com uma foto para terem uma ideia do que estou falando!

E se morarem em Curitiba, é só encomendar!

Image